MISTÉRIO

Atriz pornô é encontrada morta dias depois de ser acusada de homofobia

A atriz de filmes adultos August Ames foi encontrada morta em sua casa na Califórnia

Redação 24 Horas News/ | 07/12/2017 00:30:16
Reprodução

A atriz de filmes pornográficos August Ames , de 23 anos, foi encontrada morta dentro de sua casa, na cidade de Camarillo, na Califórnia. O marido da atriz, o diretor de filmes adultos Kevin Moore confirmou o ocorrido. "Ela foi a pessoa mais gentil que conheci e era tudo na minha vida. Espero que o momento de luto da minha família seja respeitado", afirmou.

A causa da morte de Ames , cujo verdadeiro nome é Mercedes Grabowski, é dada pelas autoridades como desconhecida. Ainda segundo os policiais, não há sinais de assassinato na cena do crime. Exames toxicológicos ainda serão feitos para determinar o que houve com a atriz .

Amigos de Ames, que preferiram não se identificar, acreditam que a atriz tenha cometido suicídio. Segundo eles, ela sofria de depressão há alguns anos e a gota d'água teria sido o assédio moral que Ames vinha recebendo de internautas nos últimos dias.

No dia 2 de dezembro, August Ames comentou no Twitter que se recusou a filmar uma cena com um ator que já havia feito filmes gays. Após o comentário viralizar, a atriz foi chamada de homofóbica por centenas de internautas. Mais tarde, ela comentou que a maioria das mulheres da indústria pornográfica se recusa a fazer cenas para proteger a saúde. "Eu não vou colocar meu corpo em risco. Não sei o que eles fazem em suas vidas privadas", escreveu Ames.

A "explicação" da atriz revoltou ainda mais os internautas, que lotaram os perfis de Ames nas redes sociais com xingamentos. Segundo pessoas próximas de Ames, ela chegou a receber ameaças de morte através de mensagens pessoais. No dia 4 de dezembro Ames voltou ao Twitter e se recusou a pedir desculpas, mas escreveu que "adorava a comunidade gay e que não teve más intenções nos seus comentários". No entanto, ela voltou a reiterar que estava protegendo seu próprio corpo. No mesmo dia, a atriz fez sua última postagem antes de morrer: "F#dam-se todos vocês", escreveu.

Várias pessoas da indútria pornográfica lamentaram a morte de August Ames. A atriz Abella Danger escreveu que Ames era "uma pessoa de bom coração". O produtor Jules Jordam classificou a atriz como "uma das melhores pessoas que ele conheceu na indústria". Amiga próximas de Ames, Kissa Sins escreveu um depoimento emocionado. "Você sempre esteve ao meu lado quando eu estava triste e eu sempre vou te amar. Me desculpe por não ter te ajudado.

Algumas pessoas fizeram alusão ao bullying que a atriz estava sofrendo. "Amem uns aos outros, crianças. 23 anos é muito jovem. Hoje é um dia triste", escreveu o diretor Mike Quasar. O ator Jesse Jones foi mais longe e ameaçou as pessoas que assediaram Ames. "Pessoas de m#rda. Eu espero encontrar com vocês em algum lugar", escreveu. A atriz Jenna Jameson se pronunciou. "Você falou para minha amiga August Ames tomar veneno. Você é diretamente responsável pela morte dela", escreveu a atriz para um usuário do Twitter.

Atriz pornô premiada

Nascida em Antigonish, Nova Escócia, Canadá, Mercedes Grabowski entrou na indústria pornográfica no ano de 2013, quando adotou o nome August Ames. De lá para cá, a atriz atuou em mais de 270 produções adultas e se tornou um dos nomes mais conhecidos do meio. No site pornográfico "Pornhub", os vídeos de Ames foram assistidos 415 milhões de vezes. Ela é a nona atriz mais popular da plataforma.


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News