Marcelo Falcão e filha vivem guerra na Justiça por pensão alimentícia

IstoÉ | 25/06/2019 21:05:05

Músico participou de uma audiência no 18º Fórum da Vara da Família, no Rio

O cantor Marcelo Falcão, vocalista da banda O Rappa, participou nessa segunda-feira (24), junto com a filha Agatha Cristal Silveira, de 20 anos, de uma audiência no 18º Fórum da Vara da Família no Rio de Janeiro, de acordo com informações do colunista Léo Dias, do UOL.

Segundo a reportagem, o cantor e a jovem, que teve sua paternidade reconhecida em 2016, vivem uma batalha na Justiça por conta de pensão retroativa. O processo segue em segredo de Justiça.

Desde que o exame de DNA comprovou a paternidade de Marcelo Falcão, o juiz do caso determinou o pagamento provisório de 12 salários mínimos mensais, aproximadamente R$ 12 mil, que estão sendo pagos. Porém, os advogados de Agatha pedem um aumento para 23 salários – valor que o músico já pagou para outro filho também reconhecido na Justiça -, fora o retroativo desde o início da ação, que chega a quase R$ 1.800.000,00.

Em nota enviada a Léo Dias, a assessoria de Falcão falou sobre o caso e lamentou o vazamento do processo.

“O cantor Marcelo Falcão aproveita a oportunidade para esclarecer que compareceu espontaneamente na audiência realizada ontem, assim como a todos os demais atos processuais, sendo que a demora do julgamento da ação tem como único motivo o fato da parte autora, representada por sua mãe a época, ter sido obrigada restaurar os autos do processo. Informa ainda que os o recursos interpostos por seu patrono, sempre foram baseados no que determina a lei e nas provas que constam do processo, e por isso mesmo em sua maioria foram acolhidos pelo judiciário”.

“Em síntese, a presente nota serve para esclarecer a verdade dos fatos, e também para lamentar não só a exposição desnecessária e midiática de uma situação de cunho privado, e, sobretudo, o fato do cantor ter sido privado da infância de sua filha”.

Fonte: IG Gente