Gabriel Jesus faz dois e Manchester City goleia Liverpool em casa

| 09/09/2017 09:45:06

Além do brasileiro, Leroy Sané também fez duas vezes e Agüero completou a goleada, tornando-se o maior artilheiro não europeu da Premier League

O Manchester City recebeu o Liverpool, no Etihad Stadium, pela quarta rodada do Campeonato Inglês, e não tomou conhecimento do rival, goleando por 5 a 0. Gabriel Jesus, com dois gols, foi um dos destaques da partida. O goleiro brasileiro Ederson, após choque com Mané no primeiro tempo, saiu de maca, mas nada mais perigoso aconteceu.

Sem Philippe Coutinho, barrado por Jürgen Klopp, o Liverpool sofreu após a expulsão do Mané ainda no primeiro tempo. O Manchester City, por sua vez, foi cirúrgico e não perdeu a chance de golear. Os gols foram marcados por Kun Agüero, Gabriel Jesus, duas vezes, e Sané, também duas vezes.

Que dupla! Gabriel Jesus e Agüero fizeram três na goleada do Manchester City sobre o Liverpool
Reprodução/Twitter/Premier League
Que dupla! Gabriel Jesus e Agüero fizeram três na goleada do Manchester City sobre o Liverpool

O jogo

A primeira finalização da partida foi do Manchester City, aos sete minutos, mas De Bruyne não conseguiu acertar o chute e Mignolet defendeu tranquilamente. Aos 13, foi a vez de Fernandinho arriscar e fazer o goleiro belga trabalhar. Aos 25 minutos, a bola caiu nos pés de De Bruyne. Com uma visão expetacular de jogo, o meia acertou passe para Kun Agüero entre a defesa e, com muita tranquilidade, o argentino tirou do goleiro e bateu para fazer com o gol vazio. Com o tento, o atacante se tornou o maior artilheiro não europeu da história da Premier League, com 124 gols.

Pouco tempo depois, Sadio Mané encontrou Salah livre na direita. Ele chegou na cara do gol e bateu de chapa, mas Ederson adivinhou o que seria feito e caiu para defender, evitando o gol de empate. Aos 34, Gabriel Jesus pressionou Klavan e roubou no campo de ataque. Sem opção para o passe, ele tentou a jogada sozinho, mas acabou pressionado e Mignolet defendeu.

Na cobrança de escanteio, Stones apareceu sozinho na entrada da pequena área, mas o zagueiro chutou praticamente em cima do arqueiro belga, que defendeu com o pé esquerdo. Aos 37, um lance que mudou a partida. Sadio Mané, que vinha muito bem, dificultando o trabalho do trio defensivo do City, foi lançado e, na dividida com o goleiro brasileiro, solou e, mesmo sem intenção de machucar, foi expulso pelo árbitro. Por conta do choque, Ederson acabou substituído pelo chileno Claudio Bravo.

Após longa paralisação, Gabriel Jesus voltou com tudo. No primeiro lance, o brasileiro recebeu cruzamento e cabeceou para o gol, mas, por estar impedido, o tento foi anulado. Aos 50 minutos, o atacante da seleção brasileira recebeu cruzamento na medida de De Bruyne e, desta vez em posição legal, desviou de cabeça e colocou no fundo das redes. O segundo do City! Esta foi a 56ª assistência do meia belga desde a temporada 2013/2014. Ele é o principal garçom entre as cinco principais ligas europeias.

O segundo tempo parecia estar em ritmo mais lento, porém logo aos oito minutos, Fernandinho deu lindo passe para Agüero. Na cara de Mignolet, o argentino foi solidário e tocou para Gabriel Jesus. Sozinho, o brasileiro só tocou para o gol e marcou seu segundo gol na partida. Alo, mãe!

Mesmo com 3 a 0 no placar, o City manteve a posse de bola, já que o Liverpool jogava com um a menos desde a primeira etapa. Aos 27 minutos, Matip desviou contra a própria meta e quase marcou contra. Logo depois, Leroy Sané, que entrou no lugar de Gabriel Jesus, tabelou com Mendy e na saída de Mignolet tocou para fazer o quarto e transformar a vitória em goleada.

Por incrível que pareça, o Manchester seguiu em cima e aos 43 minutos, Agüero recebeu cruzamento e conseguiu desviar, mas o goleiro belga, muito atento, evitou o quinto gol dos Citizens. Três minutos depois, porém, não foi possível. O alemão Sané recebeu passe de Walker na entrada da área e em chute preciso colocou no ângulo para fazer o quinto e fechar o caixão. Fim de jogo no Etihad com goleada do Manchester City por 5 a 0 sobre o Liverpool.

Ficha técnica

Manchester City: Ederson (Claudio Bravo), Danilo, Stones, Otamendi (Mangala) e Mendy; Walker, Fernandinho, De Bruyne e David Silva; Gabriel Jesus (Leroy Sané) e Agüero.

Técnico: Pep Guardiola.

Liverpool: Mignolet, Alexander-Arnold, Matip, Klavan e Alberto Moreno; Henderson, Emre Can e Wijnaldum (Milner); Salah (Oxlade-Chamberlain), Sadio Mané e Roberto Firmino (Solanke).

Técnico: Jürgen Klopp.