DERROTA EM CASA

Cuiabá perde na Arena Pantanal e se complica na briga pelo título da Copa Verde

Jornalista Jonas Jozino | 15/11/2019 05:36:39

Com o resultado, a equipe mato-grossense terá de vencer o segundo jogo, semana que vem, em Belém por 2 gols de diferença para ser campeão

Quem não faz toma. O velho ditado ficou claro para o Cuiabá na noite desta quarta-feira, na Arena Pantanal pela primeira partida da decisão da Copa Verde, diante do Paysandu, do Pará. A equipe cuiabana dominou o jogo, criou inúmeras oportunidades, principalmente no primeiro tempo. Não conseguiu aproveitar nenhuma e viu o adversário marcar em uma de suas pouquíssimas avançadas ao ataque, aos 23 minutos do segundo tempo, com Nicolas escorando de cabeça um cruzamento.

 A derrota foi de 1 a 0. Com este resultado, para ser campeão, o Cuiabá terá de derrotar este mesmo adversário na próxima quarta-feira, dia 20, no estádio Mangueirão, em Belém do Pará, por dois gols de diferença. Se vencer por um gol a mais leva a decisão para os pênaltis, os tiros livres diretos.

 O Paysandu, que venceu o jogo enfrentou uma verdadeira odisseia para chegar a Cuiabá se mostrar determinação defensiva e muita garra na Arena Pantanal. O time deixou Belém na quarta-feira, mas como o avião saiu em horário atrasado, a delegação, que desembarcou em Brasília para fazer conexão em Cuiabá acabou perdendo o segundo voo. Não chegou a tempo para o treino de reconhecimento e descanso em Mato Grosso.

 

A diretoria paraense só conseguiu embarcar o grupo nesta quinta-feira, após o almoço e, assim mesmo, com a ajuda da Confederação Brasileira de Futebo – CBF – que fretou um avião para mandar a delegação para Cuiabá. O time chegou horas antes, sem treino, descansou um pouco no hotel e foi para a Arena Pantanal, fazer a façanha de vencer e ter o direito do empate no jogo de volta para conquistar seu terceiro título na Copa Verde.

 Em campo, o Cuiabá  começou a todo vapor, dando a entender que poderia conquistar uma importante vitória e tinha o apoio da torcida que compareceu em bom número. Mas, a precipitação nas finalizações acabou sendo a marca negativa da equipe, Jefinho chegou para fora uma bola logo no início. O Paysandu se defendia como podia e não deu espaço para os atacantes.

 Na fase complementar, o time de Belém avançou um pouco a marcação, atrapalhando os planos do Cuiabá já no meio campo. A tática deu certo e em uma roubou a bola na zona central e acabou sofrendo falta na entrada da área. Era tudo o que os paraenses queriam. Leandro Lima cobrou para dentro da área e Nicolas abriu o placar de cabeça.

 

Depois foi a vez do goleiro do Paysandu se consagrar com grandes defesas, fechando seu gol e esperar o apito final para comemorar uma grande vitória fora de casa.

 Nos minutos finais, os jogadores do Cuiabá reclamaram de um pênalti não marcado, mas o árbitro mandou o lance seguir após consultar o VAR. Na sequência, Léo recebeu o segundo amarelo e deixou os donos da casa com um homem a menos.

 FICHA TÉCNICA

 

Cuiabá-MT      0      x      1      Paysandu-PA 

Data - 14/11/2019

Local - Arena Pantanal - Cuiabá

Árbitro - André Luiz de Freitas Castro (GO)

Assistentes - Cristhian Passos Sorence (GO) e Leone Carvalho Rocha (GO)

Cartões Amarelos - Cuiabá-MT: Escobar, Léo; Paysandu-PA: Tomas Bastos, Elielton, Vinícus Leite

Cartões Vermelhos - Cuiabá-MT: Léo

Gol - Paysandu-PA: Nicolas 23' 2T

CUIABÁ - Victor Souza; Léo, Ednei, Anderson Conceição e Paulinho (Alex Ruan); Escobar, Marino (Escudero) e Alê; Gutiérrez (Toty), Jefinho e Felipe Marques. Técnico: Marcelo Chamusca

PAYSANDU - Giovanni;

Tony (Bruno Oliveira), Micael, Victor Oliveira e Bruno Collaço; Wellington Reis, Caíque (Thiago Primão) e Tomas Bastos (Leandro Lima); Elielton, Vinícius Leite e Nicolas. Técnico: Hélio dos Anjos