GRANDE VITÓRIA

Em grande apresentação Cuiabá derrota o Bragantino na Arena Pantanal

Jornalista Jonas Jozino | 02/11/2019 07:57:11

A vitória era fundamental para o Cuiabá, que mostrou garra, perdeu pênalti e derrotou o Bragantino por 2 a 0 na Arena Pantanal novembro 2, 2019

Em uma partida muito movimentada, tensa e com gol nos acréscimos, o Cuiabá derrotou o líder isolado da Série B, o Bragantino, na noite desta sexta-feira, na arena Pantanal, por 2 a 0. Com o resultado sobe para a décima posição, com 44 pontos e volta a sonhar com uma das quatro vagas para a Série A, a divisão de elite do futebol brasileiro, faltando seis rodadas para o final da competição


O Bragantino até que começou melhor que o Cuiabá, dando a impressão de que poderia vencer como quizesse. Mas, aos poucos, o time cuiabnista foi equilibrando a partida e na primeira oportunidade quase abriu o placar, aos 15 minutos. Jean Patrick cruzou e Ednei cabeceou no travessão. No rebote, a bola bateu no braço de Uillian Correia. Pênalti, que Júlio César desperdiçou chutando na trave.

O Cuiabá, no entanto, não se intimidou e aos 25 minutos fez 1 a 0. Alex Ruan soltou a bomba de fora da área, Júlio César desviou com as pontas dos dedos e a bola explodiu no travessão. No rebote, Toty estufou as redes.


Na etapa complementar, o Bragantino querendo a vitória para ficar mais próximo da Série A, foi com tudo para o ataque, mas encontrou o Cuiabá muito bem fechado e jogando em velocidade.

Aos 49 minutos, já nos acréscimos, o Cuiabá fez seu segundo gol, garantindo a importante vitória. Felipe Marques ficou com o rebote, desceu em velocidade e bateu para o gol aberto, fazendo o segundo do Cuiabá.

O Cuiabá volta a jogar na próxima terça-feira, novamente na Arena Pantanal, às 20h30, contra o CRB.

FICHA TÉCNICA

Cuiabá-MT 2 x 0 Bragantino
Local – Arena Pantanal – Cuiabá
Árbitro – Alexandre Vargas Tavares de Jesus (RJ)
Assistentes – Luiz Claudio Regazone (RJ) e Gabriel Conti Viana (RJ)
Renda – R$ 36.965,00
Público – 3.200 pagantes
Cartões Amarelos – Cuiabá-MT: Marino, Alê
Bragantino-SP: Edimar, Aderlan
Gols – Toty 25′ 1T, Felipe Marques 49′ 2T
Cuiabá – Matheus Nogueira; Léo, Ednei, Anderson Conceição e Paulinho; Marino, Toty, Alê e Jean Patrick (Djavan); Jefinho (Lucas Braga) e Alex Ruan.
Técnico: Marcelo Chamusca
Bragantino – Júlio César; Aderlan, Léo Ortiz, Ligger e Edimar; Ryller, Uillian Correia e Claudinho; Ytalo, Morato (Bruno Tubarão) e Wesley.
Técnico: Antônio Carlos Zago