Morre Gordon Banks, goleiro que fez "defesa do século" em cabeçada de Pelé

Ig Esportes | 12/02/2019 07:50:03

Ex-goleiro inglês lutava contra um câncer no rim e "morreu tranquilamente durante a noite", conforme informou seus familiares

O ex-goleiro inglês Gordon Banks, que fez uma das defesas mais famosas da história do futebol após uma cabeçada de Pelé, na Copa do Mundo de 1970, morreu na manhã desta terça-feira aos 81 anos de idade.

Gordon Banks perdeu uma longa batalha contra um câncer e teve sua morte confirmada nas redes sociais pelo Stoke City, clube pelo qual atuou na carreira.

"Da família de Gordon Banks: é com grande tristeza que anunciamos que Gordon morreu tranquilamente durante a noite. Estamos devastados por perdê-lo, mas tivemos muitas memórias felizes e não poderíamos estar mais orgulhosos dele", disse o comunicado.

O arqueiro foi campeão mundial com a seleção inglesa na Copa de 1966 e considerado um dos maiores jogadores da história na sua posição.

A "defesa do século" realizada contra o Brasil aconteceu no Estádio Jalisco, no México, durante a fase de grupos da Copa de 70. Banks pegou a cabeçada de Pelé de forma espetacular, mas não evitou a derrota da sua seleção - 1 a 0 para os brasileiros, gol de Jairzinho.

"Aquela foi a defesa mais importante da minha vida. Eu estava na primeira trave e tive de pular o mais rápido possível. Ao mesmo tempo, tive que pensar a que altura a bola subiria depois de tocar no chão", lembrou o inglês em entrevista recente.

E Gordon Banks continuou. "Quando estiquei a mão e toquei na bola, não sabia onde ela ia parar. Eu ouvi o Pelé gritar gol. Quando ele cabeceou a bola, acho que pensou que tinha sido gol, porque cabeceou muito bem".