PEDESTRIANISMO

Rondonópolis sediará mais uma corrida de rua no próximo domingo

Redação 24 Horas News | 05/12/2018 08:56:46

Interessados em participar dessa corrida, devem ir até a Vila Toscana, preencher uma ficha e pagar a taxa de inscrição. O número de vagas é limitada à 150 corredores. Ao final da prova haverá sorteio de vários brindes.

É crescente o número de pessoas que adotaram a corrida de rua como prática esportiva. Em Rondonópolis não é diferente. De manhãzinha ou no final do dia, é possível ver pessoas treinando individualmente ou em grupos pelas ruas da cidade. Elas não só treinam como também participam das provas de corridas de rua que ocorrem em todo o canto do Brasil, inclusive em Rondonópolis.

De olho nessa mudança de estilo de vida, em que muitas pessoas estão deixando o sedentarismo de lado e suando a camisa, é que será realizada no próximo domingo (9) mais uma prova de corrida de rua em Rondonópolis. Atletas profissionais e amadores terão oportunidade de correr pelas regiões turísticas da cidade.

"O percurso é de oito quilômetros, com largada e saída da Vila Toscana, passando pelo Horto Florestal, Casario, Parque das Águas, Rua Dom Wonibaldo, avenida Fernando Correa da Costa, Ponte Nova e Parque do Seriema", explica Valdiney Souza, consultor técnico da 2° Corrida Toscana.

Interessados em participar dessa corrida, devem ir até a Vila Toscana, preencher uma ficha e pagar a taxa de inscrição. O número de vagas é limitada à 150 corredores. Ao final da prova haverá sorteio de vários brindes.

"É mais um evento para fomentar a prática de esportes em Rondonópolis como melhoria da qualidade de vida. Comprovadamente a corrida de rua é uma das atividades que traz muitos benefícios, desde que feita com acompanhamento de um Educador Físico e demais profissionais esportivos", finaliza Valdiney Souza.

A Vila Toscana localiza-se na Avenida Poguba, a 1,5 quilômetros da ponte nova. Mais informações pelo telefone: (66) 99628-9484


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News