Ação que fomenta o empreendedorismo passará por diferentes regiões do Brasil

A maratona de empreendedorismo começou em 2015, com o objetivo de possibilitar o aprendizado aos empreendedores das periferias cariocas

| 06/09/2017 13:05:06

Facebook e CUFA se juntam para fomentar empreendedorismo em diferentes estados brasileirosReprodução/Maratona Facebook de empreendedorismo

Facebook e CUFA se juntam para fomentar empreendedorismo em diferentes estados brasileiros

O Facebook juntamente da Central Única das Favelas (CUFA) deram início a “ Maratona Nacional de Empreendedorismo” . Na segunda-feira (4), a Facekombi – veículo utilizado para a iniciativa saiu de Madureira (RJ) para circular por diferentes regiões brasileiras. Para comemorar a partida da Kombi, ex-alunos, instrutores e empreendedores que alavancaram seus negócios com recursos do Facebook se reuniram no Espaço CUFA.

Na terça-feira (5), ainda no Rio de Janeiro, a equipe do Facebook realizou uma palestra, trazendo pessoas que foram capacitadas pelo projeto. No dia 18 de setembro, a Facekombi deve chegar a Salvador (BA), para apresentar a iniciativa aos empreendedores da região. Depois dessa parada, o veículo fomentará o empreendedorismo em cidades, como Fortaleza (CE), Brasília (DF), Dourados (MS) e Curitiba (PR).

É importante ressaltar que a maratona começou em 2015, com o objetivo de possibilitar o aprendizado aos empreendedores das periferias cariocas. No período inicial, a Kombi passou por 10 comunidades do Rio de Janeiro, realizando o treinamento de 3,8 mil pessoas.

Capacitação

De acordo com a diretora de empreendedorismo do Facebook na América Latina, Camila Fusco, a estimativa é conversar com o máximo de pessoas com diferentes tipos de formação, bem como empresas. Assim, haverá uma avaliação para que cada caso se beneficie do uso adequado da tecnologia aos negócios. “Chegando em Salvador com a Kombi, os nossos instrutores vão mostrar como essas pessoas podem criar páginas e outros recursos no Facebook, e assim faremos nos demais lugares que passarmos”, explica.

Além de efetuarem paradas em grandes centros, o projeto visa passar por pequenas cidades, quilombos e aldeias indígenas a fim de capacitar pessoas, que historicamente, têm menos acesso à informação. Segundo o diretor da CUFA, Altair Martins, o projeto expandirá todo o conteúdo já foi disseminado no Rio de Janeiro.

“A ideia é expandir agora o projeto que começamos há dois anos em Madureira e em favelas cariocas junto com o Facebook, levando informação a mais comunidades pelo Brasil”, afirma Martins.

Os cursos oferecidos em Madureira permanecem funcionando, com duração de cada 4 horas, sendo oferecidos 4 dias por semana. Os interessados em acompanhar o trajeto da Facekombi devem acessar a página  da “Maratona Facebook de Empreendedorismo” no Facebook.

 


ATENÇÃO: Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião do 24 Horas News