Bolsonaro em Israel: pauta econômica será o foco, diz embaixador

Metrópoles | 25/03/2019 13:30:06

Segundo o diplomata, contratos sobre troca de estudantes, piscicultura e agricultura devem ser assinados durante a visita do presidente

Em uma das viagens mais aguardadas para o primeiro trimestre do governo de Jair Bolsonaro (PSL), o embaixador de Israel no Brasil, Yossi Shelley, confirmou que o principal foco da incursão serão as pautas econômicas. Há, inclusive, previsão de acordos na área de agricultura.

Após reunião com o chefe da Casa Civil, Onyx Lorenzoni (DEM), nesta segunda-feira (25/3), no Palácio do Planalto, Shelley destacou que a viagem terá um viés econômico e que acordos devem ser assinados durante a estadia de Bolsonaro no país. “A economia vai ser ficar muito feliz com essa agenda, é uma agenda econômica aos brasileiros e israelenses”, disse.

O embaixador informou que empresários brasileiros devem acompanhar Bolsonaro e terão a oportunidade de apresentar seus negócios em seminário, durante a viagem. Entre os acordos, o diplomata adiantou o intercâmbio entre estudantes, para “aproveitar a vantagem que cada lugar tem”.

“Brasil e israel tem um dos acordos mais importantes nos setores de economia e inovação, vamos ver questões da piscicultura, por exemplo”, completou Shelley. Questionado sobre outros contratos que poderão ser debatidos, ele preferiu deixar como “surpresa”. “Se você chegar em casa e seu marido falar que comprou flores, você vai ficar chateada. Deixa a surpresa que é melhor”, concluiu.

A viagem de Bolsonaro para Israel é a última do presidente para o primeiro trimestre de 2019. Ele chega no país no próximo dia 31 e fica por lá até o dia 3.

Jornalista: Natália Lázaro