SANEAMENTO

Conferências entregam Planos de Saneamento prontos para os municípios

Jornalista Jonas Jozino | 05/05/2017 10:50:16

A Conferência de apresentação foi comandada pela coordenadora Geral do PMSB 106, professora Eliana Beatriz Nunes Rondon Lima e foi concluída pela coordenadora operacional do projeto Marizete Caovilla

Reconhecendo que as ações voltadas ao saneamento básico têm influência na saúde e no meio ambiente a prefeita Thelma de Oliveira, de Chapada dos Guimarães, recebeu das mãos do vice-reitor da UFMT Evandro Aparecido Soares da Silva o Plano Municipal de Saneamento Básico do município, comprometendo-se em “Fazer de tudo para mudar a realidade da sua cidade”. Ela também destacou que no município não há um metro de esgoto e atribuiu a isto a incompreensão pelas comunidades e pelos gestores públicos da importância.

Além de Thelma o presidente da Câmara de Vereadores, Edmilson Benedito de Freitas Filho, também recebeu das mãos da chefe do Serviço de Saúde da Funasa, a enfermeira Leilane Barbosa, a minuta da lei municipal para ser votada e efetivar o Plano de Saneamento no Município e dar sequencia aos trabalhos que se iniciaram há dois anos com a assinatura do Convênio entre a Funasa, UFMT e Governo do Estado.

A Conferência de apresentação foi comandada pela coordenadora Geral do PMSB 106, professora Eliana Beatriz Nunes Rondon Lima e foi concluída pela coordenadora operacional do projeto Marizete Caovilla. Além delas participaram da apresentação o engenheiro Rodrigo Accioly e a bolsista Carine Muller, da área social do projeto.

Na abertura da Conferência falaram sobre saneamento além da prefeita, do vice-reitor e da representantes da Funasa, a superintendente de saneamento da Secid Denise Duarte, o procurador de meio ambiente Luiz Estevão Escalope e o promotor de Chapada Leandro Volochko. Também estiveram presentes a engenheira sanitarista Sara Suely Attílio Caporossi, diretora–presidente do SAAE e os vereadores Thomas Jefferson e Michele do Banco, além de lideranças do município.

Próximas conferências

O plano que está sendo entregue elenca as prioridades dos municípios para cada período de quatro anos. Os dados foram levantados pela equipe de técnicos do PMDB 106 a partir de informações da observação “in loco” e dos moradores do município organizados em dois comitês: o Executivo e o de Coordenação. Eles chegaram a um diagnóstico da situação dos municípios, apresentado em Audiência Pública que estabeleceu um prognóstico com a distribuição de metas quadrienais para resolver os problemas de saneamento básico em um prazo de 20 anos.
Nos meses de maio e junho a rotina da entrega dos planos envolverá 48 municípios que desde 2014 (quando foi assinado o convênio Funasa/UFMT/Governo do Estado) receberam as atenções de mais de 80 pessoas entre técnicos das áreas de Engenharia, Economia, Informática, Comunicação Social, Administração, Assistência Social e Arquitetura que visitaram cada um dos municípios para levantar dados e mobilizar a população para o reconhecimento da situação dos quatro eixos do saneamento Básico. Em cada município dois comitês, o Executivo e o de Coordenação, acompanharam o trabalho dos técnicos e participaram do processo.

Na primeira semana de maio foram entregues os planos de Barão de Melgaço, Poconé e Livramento, Chapada dos Guimarães e Planalto da Serra e Nova Brasilândia. Na próxima semana serão realizadas as conferências para entrega dos planos em Acorizal (dia 11 pela manhã), Jangada (dia 11 às 14 horas) e Nobres (dia 12 às 9 horas).