FUTEBOL MATO-GROSSENSE

Luverdense já está pronto para o confronto contra o Cuiabá, na Arena Pantanal

Jornalista Jonas Jozino | 22/04/2017 09:23:04

O volante Kazu, convocado para a seleção brasileira, permanece entre os titulares na vaga do lesionado Diogo Sodré. Sendo assim, o time deve ser o mesmo que enfrentou o Rondoniense-RO, na quinta-feira, pela Copa Verde

 

Após confirmar a vaga para a final da Copa Verde, o Luverdense parte para mais uma decisão. Sem tempo para treinar e muito menos descansar a delegação embarcou para capital do Estado, ontem à tarde. Amanhã, a equipe fará o segundo e decisivo jogo da semifinal do Campeonato Mato-grossense contra o Cuiabá Esporte Clube, na Arena Pantanal, às 15h.

Para esta partida, o treinador Júnior Rocha deverá ter força máxima. O volante Kazu, convocado para a seleção brasileira, permanece entre os titulares na vaga do lesionado Diogo Sodré. Sendo assim, o time deve ser o mesmo que enfrentou o Rondoniense-RO, na quinta-feira, pela Copa Verde. Uma das maiores preocupações da comissão técnica é com o desgaste físico, devido a maratona de jogos a qual o time vem se submetendo.

Desde o início da temporada a equipe já entrou em campo por 19 vezes, sendo um dos clubes brasileiros que mais atuaram na temporada. “Apesar de a gente estar bem preparado fisicamente, o desgaste existe. Com dois jogos na semana, atrelado as viagens, chega um momento em que não há tempo de recuperação. Alia-se a isso a pressão de jogos todos decisivos e a coisa complica bem mais. Precisamos descansar ao máximo os jogadores, para que possam continuar rendendo dentro de campo”, avaliou o preparador físico Marcos Tavares.

Para chegar à final do Mato-grossense pelo segundo ano consecutivo, o Luverdense só precisa de um empate. Na partida da ida, disputada em Lucas do Rio Verde, a equipe venceu por 1 a 0. O Cuiabá precisa de uma vitória por dois ou mais gols de diferença.

O árbitro Rodrigo da Fonseca Silva será o responsável por conduzir o jogo entre Cuiabá e Luverdense. Ele será auxiliado pelos assistentes Adilson Rodrigo de Campos e João dos Reis Marques.